Laboratórios

O Departamento de Botânica da Universidade Federal do Paraná dispõe de estrutura física disponível para o PPGBOT com os seguintes laboratórios:

A) Laboratórios de pesquisa

1) Laboratório de Sistemática e Ecologia Molecular de Plantas (Site)

Estrutura física: termocicladores com gradiente, sistemas de eletroforese e fotodocumentação, centrífugas, ultrafreezer, freezers, geladeiras, computadores, e demais equipamentos, reagentes químicos e mobiliário necessários para atividades em biologia molecular.

Linhas de pesquisa: têm sido aplicados marcadores moleculares de polimorfismo e de seqüências de DNA para estudos em biossistemática, filogenia, filogeografia, genética de populações e DNA barcoding de plantas.  Mantém um importante Banco de DNA total de Plantas do estado do Paraná (DNA-UPCB), com cerca de 5000 amostras, com ênfase em espécies de Orchidaceae Neotropicais e na Floresta Ombrófila Mista.

Equipe atuante: três docentes do Departamento de Botânica credenciados no PPG-Botânica/UFPR, uma bióloga (servidor técnico), uma bolsista técnica, dois alunos de graduação, quatro de mestrado e um de doutorado. São recebidos alunos e colaboradores de outras instituições trabalhando constantemente em parceria.

Financiamento atual: CNPq, Petrobras, Natura e Fundação Araucária.

2) Laboratório de Sistemática de Plantas Vasculares (Site)

Estrutura física: duas salas com bancadas para análise de exsicatas; cinco microscópios estereocópios, luminárias, câmaras-claras para ilustrações botânicas, armários para armazenamento de materiais de herbários em estudo.  O Laboratório está associado ao Herbário do Departamento, o qual é o segundo maior do Paraná.

Linhas de pesquisa: taxonomia e sistemática de plantas vasculares (pteridófitas, gimnospermas e angiospermas).

Equipe atuante: Seis docentes do Departamento de Botânica credenciados no PPG-Botânica/UFPR, uma bióloga (servidor técnico), 13 alunos de mestrado e cinco de graduação.

Financiamento atual: CNPq e CAPES.

3)Laboratório de Liquenologia (Site)

Estrutura física: Está equipado com microscópios estereoscópicos, microscópios ópticos, refrigerador, estufa para secagem de material biológico, câmara de UV para observação de substâncias fluorescentes, entre outros equipamentos, além de substâncias químicas necessárias.

Linhas de pesquisa: são desenvolvidos estudos envolvendo diversos aspectos da biologia geral dos liquens e principalmente a sistemática dos fungos liquenizados. É o único no sul do pais a formar estudantes de pós-graduação em taxonomia deste grupo. Possui registro no herbário de cerca de 3.000 exemplares de liquens oriundos principalmente de diferentes localidades do Paraná, sendo 14 espécies novas (holótipos).

Equipe atuante: uma docente do Departamento de Botânica credenciada no PPG-Botânica/UFPR, dois alunos de mestrado e um de doutorado (discente do PPG/Botânica UFRGS). A equipe mantém colaboração com docentes e alunos do depto de Bioquímica (UFPR) que atuam na linha de pesquisa de carboidratos de liquens.

Financiamento atual: CNPq

4) Laboratório de Ficologia (Site)

Estrutura física: duas salas de 6×6 m2, equipados com 6 microscópios ópticos binoculares de pesquisa, microscópio BX40 com câmera de captura acoplada (OLympus/câmera DP071), 3 microscópios invertidos Olympus LX70, espectrofotômetro Hitachi U-2001, processador ultrassônico, centrífuga microprocessada QUIMIS, sonda multianalyser HORIBA, radiômetro LI-cor, freezer, geladeiras, incubadoras para microalgas, bomba à vácuo, redes de fitoplâncton, equipamentos necessários para coleta e processamento de amostras de microalgas em ambientes aquáticos marinhos e epicontinentais lênticos e lóticos. O Laboratório abriga literatura vasta especializada na área de taxonomia de algas, com inúmeras obras antigas e modernas, formando uma das melhores bibliotecas brasileiras sobre diatomáceas.

Linhas de pesquisa: taxonomia e biologia de microalgas continentais e marinhas. Enfoque especial nas diatomáceas, consistindo em centro brasileiro de referência em taxonomia deste grupo de algas. Taxonomia e ecologia de microalgas nocivas (cianobactérias, diatomáceas e dinoflagelados).

Equipe atuante: dois docentes do Departamento de Botânica credenciados no PPG-Botânica/UFPR. Atualmente quatro alunos de mestrado e um de doutorado encontram-se desenvolvendo projetos com diatomáceas, cianobactérias e dinoflagelados.

Financiamento atual: CNPq, Fundação Araucária, PETROBRAS, SANEPAR

5) Laboratório de Ecologia Vegetal (Site)

Estrutura física: equipamentos de laboratório (balanças analíticas, computadores, estufas, geladeira, germinadores BOD, impressoras, lupas, microscópios), material para coleta em campo (binóculos, densiômetro, escadas, podões, GPS, equipamento para escalada em árvores, redes entomológicas), material de consumo (estacas, material de segurança, redes neblina, tesouras de poda, vidraria), entre outros.

Linhas de pesquisa: Diversidade de florestas tropicais: mecanismos responsáveis pela manutenção da diversidade, distribuição de espécies em escalas temporal (dinâmica da comunidade) e espacial (gradiente, fitogeografia, macroecologia).  Ecologia Aplicada: sucessão ecológica, regeneração e resiliência florestal. Ecologia da Restauração e Restauração Ecológica.

Redes de interações mutualísticas: o efeito do espaço, sobreposição temporal e disponibilidade de recursos sobre as redes de polinização e dispersão. Restabelecimento das interações mutualísticas durante a sucessão florestal e em áreas de restauração da Floresta Atlântica usando ferramentas de redes de interações e ecologia funcional. Biologia reprodutiva de plantas.

Equipe atuante: dois docentes do Departamento de Botânica credenciados no PPG-Botânica/UFPR e ao PPG-ECO/UFPR, dez alunos de mestrado; oito de doutorado e um bolsista de pós-doutorado.

Financiamento atual: CNPq, FUNBIO, FGBPN, MCT, PROBIO

6) Laboratório de Botânica Estrutural

Estrutura física: laboratório equipado com estufas, capela, micrótomos, balança analítica, refrigeradores, centrífuga, bomba a vácuo, microscópios, estereomicroscópio, computadores, entre outros equipamentos e substâncias químicas diversas.

Linhas de pesquisa: Este laboratório dá suporte aos projetos que envolvam o estudo e a descrição anatômica dos tecidos vegetais, incluindo o preparo de amostras para emblocamento em PEG e historesina, e testes histoquímicos, para análise em microscopia de luz. Os principais projetos desenvolvidos no Laboratório incluem estudos evolutivos em Cactaceae e Orchidaceae, de desenvolvimento, atividade cambial e anatomia da madeira de espécies arbóreas, dentre outros projetos. O Laboratório também possibilita o preparo parcial de amostras para análise em Microscopia Eletrônica de Varredura e Transmissão, além de atuar na confecção e arquivamento de lâminas histológicas didáticas utilizadas nos cursos de graduação e pós-graduação (aproximadamente 10.000 lâminas).

Equipe atuante: atualmente três docentes do Departamento de Botânica credenciados no PPG-Botânica/UFPR, um servidor técnico, uma bolsista técnica, dois alunos de graduação, quatro de mestrado e um de doutorado.  Alunos e colaboradores de outras instituições são bem-vindos para o desenvolvimento de projetos em parceria.

Financiamento atual: CNPq e Petrobras

7) Laboratório de Micropropagação Vegetal

Estrutura física: – sala de lavagem e esterilização de materiais contendo autoclaves, destilador, estufa, banho-maria, estantes com vidrarias diversas e armários com reagentes químicos; – sala de preparo de meios de cultura com refrigeradores, balanças, medidor de pH, forno de microondas e agitadores, – sala de avaliações de experimentos com microscópios ópticos e estereoscópicos, -salas com capelas de fluxo laminar, com armários e estantes contendo materiais esterilizados como meios de cultura, placas de Petri, água e esterilizadores elétricos – sala de crescimento das culturas com tubos de luz fluorescente e com controle do fotoperíodo, aparelho de ar condicionado para regular a temperatura, duas germinadoras e casa de vegetação com luz artificial e sistema de irrigação.

Linhas de pesquisa: Aplicação de técnicas in vitro tais como: organogênese e embriogênese somática de espécies ornamentais, florestais, frutíferas e medicinais. Estudos de polinização e de bancos de sementes de orquídeas. Equipe atuante: dois docentes do Departamento de Botânica credenciados no PPG/Botânica/UFPR, quatro alunos de mestrado, um bolsista de iniciação científica, quatro estagiários voluntários.

Financiamento atual: FINEP, EMBRAPA Florestas e Amazônia Ocidental, PNADB-CAPES, OSSSU.

8) Herbário UPCB (Site)

Esta unidade abriga a segunda mais importante coleção biológica de material vegetal herborizado do Estado do Paraná e se encontra completamente informatizado pelo sistema Brahms. Dispõe de infra-estrutura com espaço adequado para processamento e identificação de exemplares testemunhos, estufas para secagem e armários para o acondicionamento das plantas herborizadas que serão depositadas como vouchers dos estudos taxonômicos e de amostras depositadas também no banco de DNA totais da UFPR. A coleção conta hoje com cerca de 63.000 exemplares.

9) Laboratório Multiusuário de Biologia Molecular

Esse Laboratório dá apoio a todos os Departamentos do Setor de Ciências Biológicas desenvolvendo projetos na área da Biologia Molecular. Atualmente, atende a 48 alunos e 13 professores. Está equipado com termocicladores, sistema de fotodocumentação, centrífuga refrigerada, microcentrífugas, fonte e cubas para eletroforese, freezer -80°, sistema de produção de água ultrapura, balança analítica, pHmetro, forno de micro-ondas, agitador.

B) Laboratórios Didáticos

Dois laboratórios para aulas teóricas, equipados com internet, data show, computador, sistema de som e lousa, um com capacidade para 30 pessoas e outro para 50 pessoas, onde normalmente ocorrem as defesas.

Um laboratório de aula prática, com microscópios estereoscópicos, lupas, bancada, pia e armários.

Além dos laboratórios o PPGBOT conta com uma secretaria própria e uma sala comum para alunos, com dezesseis pontos de internet, seis computadores, pia e bancadas.